domingo, 3 de maio de 2015

Passeando pelo minho!

O Benfica hoje passeou pelo Minho profundo.
O Galo de Barcelos, não teve a mínima hipótese esta tarde.


O Benfica, depois de alguns anos a vacilar nos momentos decisivos, hoje é uma equipa que nos momentos críticos, responde com classe.

Sempre a alta velocidade... e sempre a atropelar.
Jonas, parecia impensável, apanhou Jackson na lista de melhores marcadores. O brasileiro começou a jogar a 5 de Outubro. Jackson, logo a 15 de Agosto marcava na receção ao Marítimo. Com menos 6 jornadas na liga, Jonas chegou à luta com o Colombiano pela bota de ouro Portuguesa.

Sulejmani, desaparecido, mostrou mais uma vez que é solução. Samaris imperial no miolo. Maxi, uma locomotiva, fez hoje 2 golos. Na baliza Júlio César, é uma parede.

Hoje sim, o Benfica fechou o campeonato. Não há mais dúvidas. O Bi campeonato é uma questão de tempo.

Hoje é um dia histórico, porque há exactamente um ano, o Benfica apurava-se para a final da Liga Europa, ao empatar a zero em Turim. Um dos jogos mais emocionantes da nossa história. Acabamos com 9 jogadores, e vergamos os arrogantes italianos. Só foi pena o roubo da final.




O Minho, será local de festa. Depois de hoje, porque não ser campeão em Guimarães?


1 comentário:

  1. Apesar de não o parecer,o jogo de ontem era um jogo importantíssimo.Pq foi o jogo seguinte ao confronto com o grande rival,porque se tratava de um jogo num campo onde o Benfica não tem tido vida fácil nos últimos anos e porque em Barcelos mora uma equipa desesperada por pontos.
    Passamos o teste. O Benfica jogou com garra,vontade e com confiança,sempre respeitando o adversário mas tendo a clara noção de que sendo uma equipa mais forte,teria que jogar para ganhar. António Simões tinha afirmado após o jogo com o Porto que este seria verdadeiramente o jogo do título,e tinha razão.Não somos,ainda,campeões,mas acredito que depois de ontem ficamos mais perto de facto,e que ontem uma mensagem de força foi dada.
    No início da época disse que esta equipa era bem menos forte do que aquela que tínhamos na época passada. Continuo a achar que esta equipa apesar de mais pragmática,é também menos talentosa,mas compensa isso com um grande espírito de equipa e com muito trabalho e entreajuda em campo. Mas o que pretendo dizer é que o mérito dos jogadores é indiscutível, porém,este título tem muito do talento de Jorge Jesus. Jesus pegou numa equipa menos abundante em talento,mas conseguiu igualmente construir um grupo forte,e uma equipa que é de facto muito concisa na forma como aborda os jogos.
    Segue a caminhada,semana que vem,na Luz com outro aflito: o Penafiel.
    Carrega Benfica!!!!!!!

    ResponderEliminar

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...