segunda-feira, 27 de abril de 2015

Serviços mínimos!


O Benfica, deu-se ao luxo de, jogar serviços mínimos!
Haverá por aí alguns Lopeteguis que dirão que só o FC Porto jogou para ganhar e que só eles quiseram jogar o jogo. Não é verdade.

A verdade é que este Benfica teve hoje capacidade para levar o jogo para onde quis. Jogar para empatar é muito diferente de jogar para não perder. O Benfica jogava por dois resultados e a estratégia passava por defender bem e aproveitar os erros. Houve poucos erros e como tal fomos segurando o empate. O FC Porto não arriscava e o Benfica esperava para ver o que jogo dava. O Benfica é hoje uma equipa pragmática. E as equipas assim......ganham títulos.


Quando a máquina está oleada, tudo é mais fácil. Quando a equipa se conhece, joga de olhos fechados. O Benfica hoje fez um jogo absolutamente notável a nível defensivo. É rever o jogo para perceber como Jackson foi controlado. E como o adversário beneficiou de muitos poucos lances de perigo. Não é só Luisão. É Luisão e Jardel. É Maxi que nunca acaba. O mundo pode desabar, mas Maxi continuará a correr. É a maneira como Samaris fecha os caminhos. É sobretudo a maneira como Gaitán, hoje, defende e apoia o colega da defesa. O maior talento do Benfica e quem sabe da Liga Portuguesa, não vê nenhum problema em recuar para fechar os arranques de Danilo.

Jorge Jesus tem a equipa trabalhada. Na luz é praticamente impossível perdermos. Desde o início da época, apenas 4 golos sofridos. Uma época inteira sem perder com os rivais.
E agora, a máquina não pode parar. Há Barcelos já a seguir. E a locomotiva está em andamento. Relaxar seria crime. A luta continua.......

Pelo caminho ficaram os 92 jogos a marcar na luz, em jogos do campeonato. Mas trocamos tudo isso por nova festa no Marquês.
A arbitragem de Jorge Sousa foi quase perfeita. Está encontrado o melhor árbitro Português (para mim já o é à cerca de 3/4 épocas) que pode superar Pedro Proença, uma vez que não é nada vaidoso, muito frio e extremamente discreto.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...