segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Crónica de uma morte anunciada!


Confesso que passei as últimas horas bastante divertido. Ver o universo Sportinguista a espumar-se de raiva perante a exibição do Benfica, deixa-me satisfeito. O mesmo Sporting, que quando vai à luz, fica a ver o Benfica jogar, e que no último derby, só conseguiu empatar graças a uma oferta monumental de Artur.
Ontem enquanto via adeptos a saírem, um atrás do outro, a dizerem que o Benfica não joga nada, e que é triste, fiquei em lágrimas de tanto rir.
O problema do Sporting, é que achavam que o minuto 92 (ou 94) era um acontecimento que só aparecia contra nós. Mas ontem a sorte sorriu-nos como já merecíamos. Acontece.



Que adeptos digam estas baboseiras...acho normal.. Agora que apareçam por aí dezenas de comentadores a dizer o mesmo é que me deixou espantado. Comentadores a falar em autocarros, em sorte, em futebol negativo? É estranho que depois de tantos anos de futebol, ainda haja gente que sonha com elefantes cor-de-rosa.

Agora falando do jogo. Jogamos pouco e tivemos sorte. E pelo que ouço por aí, parece que somos a única equipa do mundo que joga mal e tem sorte no fim. Artur esteve melhor do que habitualmente está mas voltou a sofrer um golo onde, como sempre, é lento a reagir ao segundo remate. O Benfica defendeu bem, muito bem, anulou quase sempre o ataque adversário. Jesus montou uma equipa para empatar e conseguiu. Não deixa de ser curioso que antes criticava-se a vertigem atacante do Benfica, e agora criticasse o pragmatismo de Jesus. Enfim.... vale tudo para atacar o Benfica.

Tal como tinha dito neste blog, o Sporting só conta se ganhar. Como não ganhou, já era. Agora passamos a bola para o lado do FC Porto. Nós já fizemos o mais difícil em teoria. Dos 14 jogos em disputa, faltam 6 fora. Vila do Conde, Belém, Arouca, Moreira de Cónegos, Barcelos e Guimarães. Em casa temos 8 jogos e nem todos serão fáceis. Recebemos o FC Porto e o Braga.

O empate de ontem tem muito mais valor se nos lembrarmos de Júlio César e Gaitán. O melhor guarda-redes em Portugal, esteve ontem ausente. O maior mágico da liga esteve ontem fora. A imprensa diz que ao Sporting faltou Slimani, mas dos benfiquistas nada diz. Como não diz que esta equipa vendeu Enzo à pouco tempo, vendeu Matic, Siqueira, Garay, Oblak, Rodrigo, Markovic, Cardozo entre outros e continua na frente. Ninguém refere que ontem em Alvalade, do ano passado, jogaram Lima, Maxi e Luisão. E nem falo dos lesionados Sílvio, Fejsa, Amorim. Depois de tantas contrariedades, sempre na frente.



Em Alvalade, aos 87 minutos pensou-se que o Benfica estava morto. Preparava-se uma mega festa pelo país inteiro, mas o Benfica precisou apenas de meia dúzia de minutos para colocar a ordem na Liga. Este ponto pode ser bem mais decisivo do que se pensa.

No final Luisão voltou a mostrar porque é o capitão do Benfica. No momento de euforia, reuniu a equipa e todos foram dar um abraço a Artur. O Benfica está unido.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...